Buscar

Academicos Atuais

Usuários Online

Nº 07 - (1º SUCESSOR) MAURÍLIO ALMEIDA

               MAURÍLIO Augusto de ALMEIDA: Nasceu na cidade de Bananeiras, Paraíba, no dia 08 de junho de 1926 e faleceu em João Pessoa, no dia 14 de junho de 1998; filho de Pedro Augusto de Almeida e D. Maria Eulina Rocha de Almeida. Estudou, inicialmente, em casa, com professores particulares contratados pelo pai, em seguida, deslocou-se para Recife, freqüentando o Colégio Nóbrega, onde concluiu o Ginasial e o Colegial, ingressando, a seguir, na Faculdade de Medicina de Pernambuco, diplomando-se em 1950 e especializando-se em Patologia Clínica. Posteriormente, estagiou em Laboratórios de Recife, Rio de Janeiro e São Paulo . Fixou-se em João Pessoa, instalando um dos mais conceituados laboratórios da cidade e que, após o seu falecimento está sendo dirigido pelo seu filho , Dr. Fábio Rocha. Além de médico patologista, Dr. Maurílio era escritor e professor catedrático e fundador da Faculdade de Medicina da UFPB.; recebendo o título de Professor Emérito. Pertencia a várias entidades médicas: Sociedade de Medicina e Cirurgia da Paraíba; Sociedade Brasileira de Hematologia e Hemoterapia; Sociedade Brasileira Clínica; Sociedade Brasileira de Bacteriologia; Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Sociedade Inter-Americana de Patologia. Era sócio-fundador do Lions Clube de João Pessoa, tendo sido presidente por duas vezes e agraciado com várias medalhas. Tanto na área cultural como na profissional foi contemplado com várias homenagens, principalmente, pelos seus alunos; participou de bancas examinadoras na UFPB, pronunciou discursos e conferências. Era membro das entidades culturais: Instituto Histórico e Geográfico Paraibano; Sociedade Brasileira de Escritores Médicos ; Membro-fundador da Academia Nordestina de Artes e Letras; Membro efetivo da Academia Brasileira de História; Sócio-fundador da Academia Paraibana de Medicina; Sócio-correspondente da Academia Pernambucana de Medicina; Sócio-fundador do Instituto de Genealogia e Heráldica da Paraíba; Sócio-correspondente do Instituto Histórico e Geográfico e da Academia de Letras do Rio Grande do Norte; Membro do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba; ingressou na Academia Paraibana de Letras, em 25 de maio de 1979, recepcionado pelo acadêmico João Lyra Filho. Foi eleito Vice-Presidente da APL, de 1985 a 1987. Trabalhos de sua autoria: Contribuição ao estudo do balantidium; As dosagens do cálcio, fósforo e fosfatoses em pacientes portadores de tuberculose; Considerações em torno de um casodeshistomose vesicular; Valor da cardiolipina do diagnóstico da sífilis; Dosagem da fosfatose prostática no soro sangüíneo; Aplasia medular iatrogênica na infância; Estudo das transaminases em pacientes de forma toxémica da shistosomose mansônica; Determinação do hematocrítico-estudo comparativo - pelo Micro Wintrob e coulter; Anemia falciforme (estudo em quatro casos); Valor da proteína “C” reativa no diagnóstico do infarto do miocárdio; Diagnóstico da amebíase pela hematoxilina férrica. Trabalhos publicados: Presença de D. Pedro II na Paraíba(duas edições); Diogo Velho em síntese - Diogo Velho Cavalcanti de Albuquerque, Visconde de Cavalcanti; O Barão de Araruna e sua prole; Discurso de paraninfo - Biblioteconomistas de 1976; Por amor e gratidão; Cadeira nº 07(discurso de posse na APL); Oração ao livro; No tempo brasileiro de D. João VI; Eram seis as pétalas de rosa (1990); Rodrigo Garcia: a história de sua vida na vida dahistória (1991); Lembrando Pedro Augusto de Almeida no seu centenário.

 

       REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA:

       Informações prestadas pelo acadêmico em 1991.

       Arquivo da APL.

 

 

 

 

Add comment


Security code
Refresh