Buscar

Academicos Atuais

Usuários Online

Nº 14 - (2° SUCESSOR) RONALDO CUNHA LIMA

RONALDO José da CUNHA LIMA: Nasceu na cidade de Guarabira, Estado da Paraíba, em 18 de março de 1936; filho do senhor Demóstenes da Cunha Lima e D. Francisca Bandeira da Cunha Lima, D. Nenzinhaa, como era conhecida. Estudou no Colégio Pio X e no Colégio Estadual do Prata, de Campina Grande, Bacharelou-se em Ciências Jurídicas pela Faculdade de Direito da UFPB.; é casado com D. Maria da Glória Rodrigues da Cunha Lima e tem quatro filhos: Ronaldo Filho, Cássio, Glauce e Savigny. Em 1968. Iniciou a vida como vendedor de jornais, como garçom, no restaurante do seu irmão Aluísio, trabalhou na Associação Comercial de Campina Grande, na Rede Ferroviária do Nordeste, no Cartório de D. Nevinha Tavares, tudo isso para custear os seus estudos e ajudar as despesas domésticas, porque o seu pai, pobre, faleceu muito cedo, deixando D. Nenzinha com a responsabilidade de criar e educar a família numerosa. Desde jovem, demonstrava vocação para a política. Ainda estudante, foi representante estudantil e vice-presidente do Centro Estudantil Campinense. Foi Vereador e Prefeito de Campina Grande, Governador do Estado e, atualmente, é Senador da República. Em 1964, teve os seus direitos políticos cassados, passando dez anos no ostracismo; indo para São Paulo, depois, para o Rio de Janeiro, recomeçando a vida de advogado. No Rio, ganhou o título de Advogado do Ano, em 1980. Estudioso da obra do poeta Augusto dos Anjos, participou, com brilhantismo, do programa de televisão, Show sem limite, respondendo sobre a vida e a obra do grande poeta paraibano.

Ronaldo Cunha Lima é político, poeta e escritor. Membro da Academia Campinense de Letras, Membro do Conselho Federal da OAB. Ingressou na Academia de Letras em 11 de março de 1994, saudado pelo acadêmico Amaury Vasconcelos. Bibliografia: I50 canções de amor e um poema de espera, 1955; Livro dos tercetos, 1998; Em defesa da língua portuguesa, (discurso no Senado Federal, 1998; 3 seis, 5 setes, 4 oitos e 3 noves –grito das águas (discurso no Senado Federal, 1999); A seu serviço II, 1999; A seu serviço III, 2000; Roteiro sentimental – fragmentos humanos e urbanos de Campina Grande, 2001.

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

GUIMARÃES, Luiz HUGO. História da Academia Paraibana de Letras, João Pessoa: 2001.

Revista da Academia de Letras de Campina Grande, n º1. Campina Grande: 1993.

Add comment


Security code
Refresh