Buscar

Academicos Atuais

Usuários Online

Nº 26 - (2º SUCESSOR) TARCÍSIO DE MIRANDA BURITY

TARCÍSIO de Miranda BURITY : Nasceu em João Pessoa, no dia 28 de novembro de 1938; filho do casal Luiz Gonzaga de Albuquerque Burity e D. Maria José de Miranda Burity. É casado com a professora Glauce Maria Navarro Burity e tem quatro filhos: Tarcísio Filho, Maurício, Leonardo e André Luís. Toda a sua escolaridade foi realizada em João Pessoa, desde o curso primário até o curso de Ciências Jurídicas, realizado na Universidade Federal da Paraíba. Tem curso de Pós-Graduação pela Universidade de Poitiers, França; doutorado em Ciências Políticas, no Instituto Universitário de Altos Estudos Internacionais de Genebra, Suíça e Curso de Treinamento para Professores e Administradores de Universidades, promovido pelos Conselhos de R3eitores da Universidade do Brasil e universidade de Houston, no Texas, Estados Unidos. Foi Promotor Público de Araruna. Afastou-se do cargo para exercer o magistério na UFPB, lecionando as Disciplinas: Filosofia do Direito; História da Educação; Direito Internacional Público; Filosofia Antiga; Introdução à Ciência do Direito e Sociologia da Educação. Exerceu, também, atividades administrativas ligadas à educação, como: Chefe de Gabinete da Reitoria da UFPB.;Diretor da Faculdade de Direito; Membro Permanente do Seminário de Tropicologia da Universidade Federal de Pernambuco; fundador do Curso de Pós-Graduação de Direito, da UFPB. e Membro da Comissão de Avaliação dos Diplomas Estrangeiros no Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão. Em 1975, foi nomeado,pelo Governador Ivan Bichara, Secretário da Educação e Cultura do Estado . Pelo processo de eleições indiretas, foi nomeado governador do Estado; renunciou antes do término do mandato para candidatar-se a uma vaga na Câmara Federal, obtendo uma extraordinária votação. Novamente, em 1986, por eleições diretas, voltou a governar o Estado. Os seus dois mandatos ficaram marcados pela construção de obras de grande porte, como o Espaço Cultural José Lins do Rêgo, o Centro Turístico e o Mercado de Artesanato de Tambaú, a Via Litorânea Intermares e o Hemocentro.

Ingressou na Academia Paraibana de Letras, em 14 de agosto de 1992 , com discurso de recepção pelo acadêmico Afonso Pereira. Apreciador da música erudita, o político e professor realiza composições musicais apresentadas sob o pseudônimo de T.Vergilius.Trabalhos publicados: A nova conceituação do Direito; Reflexões sobre o Direito Internacional Costumeiro; Aspectos da epistemologia jurídica; Direito e fato na ordem jurídica internacional; A concepção Kelsiana do Direito Internacional Costumeiro.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

LEITÃO, Deusdedit. O ensino público na Paraíba. João Pessoa: 1987.

MAIA, Benedito. Governadores da Paraíba (1947/1986). João Pessoa: 1980.

Memorial APL, 1ª ed.