Buscar

Academicos Atuais

Usuários Online

Nº 29 - (1º SUCESSO) AFONSO PEREIRA DA SILVA

AFONSO PEREIRA da Silva: Nasceu em 30 de outubro de 1917, em Bonito de Santa Fé, Estado da Paraíba; filho de José Pereira da Silva e D. Cherubina Pereira da Silva. É casado com a senhora Clemilde Torres Pereira da Silva. Oriundo de família católica, estudou na capital do Estado no Seminário Apostólico São Pedro Gonçalves e, depois, no Colégio Franciscano de Rio Negro, no Paraná, efetuando nestes educandários a sua escolaridade de 2º grau, adquirindo uma base cultural sólida, edificada sobre os princípios cristãos, o que lhe garantiu galgar os mais importantes cargos na sua vida profissional.Formou-se em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco, em 1948, procurando sempre se aperfeiçoar, através de cursos nas áreas jurídica e pedagógica. Foi Deputado Estadual, além de ter exercido a função de Juiz Substituto do Tribunal Regional Eleitoral e Procurador da Santa Casa de Misericórdia da Paraíba. Outros cargos exercidos pelo professor Afonso: Diretor da Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais da Universidade Autônoma de João Pessoa; Diretor Substituto da Faculdade de Direito da UFPb.; Presidente e introdutor, na Paraíba, da Campanha Nacional de Escolas da Comunidade (CNEC); professor de Alemão, Francês, Latim, Grego, Português, Geografia, Ciências Naturais, Direito Autoral, Direto Romano e Pesquisa Social. Professor do Lyceu Paraibano e Professor e Diretor do Instituto de Educação da Paraíba; Fundador e Presidente da Sociedade de Cultura Musical; Fundador do Teatro do Estudante da Paraíba, da Orquestra Sinfônica da Paraíba e do Conservatório Paraibano de Música; fundador e primeiro Presidente da Associação de Cultura Franco-Brasileira (Aliança Francesa) e Instituidor e Presidente da Fundação Padre Ibiapina, com uma vasta rede de educandários, nos três níveis e graus, sobretudo, nos Sertões do Estado e, inclusive, no Rio Grande do Norte. Colaborador da imprensa paraibana, tendo sido o primeiro diretor do Jornal Correio da Paraíba; correspondente de revistas nacionais; redator de Anais Cientificos-Brasil Universitário, São Paulo. É membro da Academia de Letras Jurídicas; do Instituto Histórico e Geográfico Paraibano; da Associação Paraibana de Imprensa; da Academia Internacional de Letras; Sócio Honorário da Associação Norte-Riograndense de Astronomia. Ingressou na Academia Paraibana de Letras, em 21 de junho de 1966, recepcionado pelo acadêmico Clovis dos Santos Lima. Em 20 de maio de 1978, foi eleito Presidente da APL, sendo reeleito por três vezes consecutivas, cumprindo, assim, um mandato que durou seis anos, transcorridos com sucesso. A administração do professor Afonso Pereira ficou registrada pela realização de um trabalho estrutural, tanto na parte física como na administrativa que iniciou pela restauração e ampliação do prédio, abertura da Biblioteca ao público, organização dos arquivos, preenchimento do quadro acadêmico, completando o número de 40 cadeiras; introduziu o hábito de servir o tradicional “Chá Acadêmico”. Ainda na sua administração, em 1981, o Governador Tarcísio Burity doou à APL , o prédio de nº 37, contíguo à sede, para a implantação do Memorial Augusto dos Anjos, concretizado pelo seu sucessor, acadêmico Luiz Augusto Crispim.

Bibliografia: Discurso de posse na APL. João Pessoa: Imprensa Universitária, 1967; Lei e justiça – uma experiência parlamentar João Pessoa: UNIPÊ, 2001.

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA:

Informação prestada pelo próprio acadêmico.